NOTÍCIAS


Músicas de Roberto Carlos, Djavan e Ana Carolina saem do ar no Spotify; o que se sabe até agora



Procurada pelo g1, plataforma não explicou por que as músicas estão indisponíveis. Equipe de Djavan afirmou não saber o motivo da indisponibilidade. Relembre outros casos recentes. Músicas de Roberto Carlos, Djavan e Ana Carolina ficam indisponíveis no Spotify Alexandre Lago/Marcos Hermes/Divulgação/Iris Alves/Divulgação Músicas de Roberto Carlos, Djavan e Ana Carolina saíram do ar no Spotify desde este fim de semana. Em comum, os três artistas já lançaram álbuns pelo gravadora Sony Music. Além de faixas de álbuns desses artistas, também saíram do ar gravações de composições deles feitas por outros cantores, como é o caso do álbum “As canções que você fez pra mim”, em que Maria Bethânia canta músicas escritas por Roberto Carlos. Quais músicas saíram do ar? Durante o fim de semana, músicas de Roberto Carlos, Ana Carolina e Djavan saíram do ar e não podem ser ouvidas no Spotify. As faixas integram a parte mais antiga da discografia dos artistas. De Roberto Carlos, estão indisponíveis músicas que fazem parte de álbuns laçados entre 1966 e 2015. Mas há exceções: o álbum “Roberto Carlos”, de 1971, por exemplo, aparece completo na plataforma. Dele, estão fora do ar faixas como “Emoções”, “Fera ferida”, “Cavalgada” e “As curvas da estrada de Santos”. Gravações de composições do artista feitas por outros cantores também estão fora do ar. Um exemplo é “Além do horizonte”, na versão de Jota Quest, e músicas do álbum “As canções que você fez pra mim”, em que Maria Bethânia canta Roberto. Roberto Carlos faz show na Arena das Dunas, em Natal Alexandre Lago Do repertório de Ana Carolina, estão indisponíveis músicas de seis álbuns, como “Encostar na tua”, “Pra rua me levar”, “Elevador” e “Cabide”. O trabalho mais recente, “Fogueira em alto mar”, de 2019, continua na íntegra para ser ouvido na plataforma. Do repertório de Djavan, estão fora do ar “Oceano”, “Flor de Lis”, “Sina”, “Se…”, “Samurai”, “Eu te devoro”, entre outras. As músicas de “D”, trabalho mais recente do cantor, continuam na plataforma. O que dizem os artistas? A equipe de Djavan enviou um comunicado ao g1 em que afirma não saber o motivo da indisponibilidade. “Neste fim de semana, tomamos conhecimento de que algumas músicas do Djavan ficaram indisponíveis no Spotify. Não sabemos ainda o motivo do ocorrido, mas tanto a Luanda Records, selo do artista, como gravadoras e parceiros que distribuem suas obras, estão apurando com a plataforma de streaming o que pode ter acontecido”, diz o comunicado. As assessorias de Roberto Carlos e Ana Carolina não responderam até a última atualização desta reportagem. Djavan se apresentará em Curitiba Handerson Vieira/Divulgação O que diz a gravadora? Em comum, os artistas estão no catálogo da gravadora Sony. À reportagem do g1, a empresa informou que a resposta é de responsabilidade do Spotify. O que diz o Spotify? O g1 entrou em contato com a plataforma, mas não obteve retorno até o momento. Outros casos No início de 2022, Neil Young e Joni Mitchell retiraram suas músicas do Spotify. A decisão dos artistas se deu depois que a plataforma manteve um podcast controverso de Joe Rogan, que transmitia desinformação sobre a Covid-19. No ano passado, em maio, a Sony, editora que cuida dos direitos de Nelly Furtado e os outros autores estrangeiros da música “Say it right”, pediu a retirada da música “Lovezinho”, da cantora carioca Treyce, por usar um trecho da música da artista canadense. A situação no momento, no entanto, é diferente das anteriores. Nenhum dos artistas pediu a retirada das faixas ou sabia da indisponibilidade. Nelly Furtado (esquerda), autora de ‘Say it right’, música com refrão aproveitado em ‘Lovezinho’, hit dançado por Xurrasco e cantado por Treyce (esquerda) Divulgação / g1

Fonte: G1


29/01/2024 – Rádio Contato Vistoria

COMPARTILHE

(18) 99664-6500

[email protected]
Rádio Contato Vistoria
A Melhor do Brasil